Zueirama : Um jogo brasileiro em que a zoeira não tem limites

Texto por Paulo Ferreira

Muita gente passa o dia inteiro navegando em redes sociais e é inundado por memes diariamente – a cultura da internet já é natural para o brasileiro. Nós abraçamos essa cultura com vontade e, todos os dias, nosso feed de atividades está lotado deles. Seguindo essa onde de comédia da internet, um grupo de três amigos – o game designer Clayton Lima, o programador Francisco Pinho e o animador Wagner Pinho criaram Zueirama, um jogo no estilo 16 bits de plataforma com fases de veículos, “navinha” e diversos minigames que está disponível na loja da Steam.

O jogo segue as aventuras de Zoinho, um entregador de pizza que adora “trollar” todo mundo. Quando a população começa a ser transformada em coxinhas e pães com mortadela – incluindo sua namorada – e sua moto é roubada por elas, não resta opção para Zoinho a não ser ir atrás dos culpados: o General Sádipo e seus capangas.

As referências vão desde memes famosos a quadros de Pablo Picasso
Giovana e seu forninho são alguns dos memes que podem ser encontrados dentro de Zueirama

Além dos cenários cheios de brasilidades, como telhados de Brasilit, orelhões e fuscas azuis nas ruas, os inimigos também fazem referências a diversas figurinhas da nossa cultura – a Grávida de Taubaté lança bolas de praia, garrafas de refrigerante humanoides flutuam por aí, comediantes jogam pães do céu… Tem referências para todos os gostos.

Mas em vez de ser apenas um joguinho de comédia competente, Zueirama também é um jogo de plataforma consistente com diversas mecânicas funcionais. O jogador pode acessar a loja entre as fases para comprar diversas habilidades e itens na vendinha. Há o Prego no Chinelo, por exemplo, que permite descer mais rápido e acertar a cabeça dos inimigos com o dobro de dano. Há também a Vuvuzela, um item descartável que elimina todos os inimigos ao redor com seu som irritante. O protagonista ainda pode dar uma Sarrada no Ar e desviar para a frente ou até mesmo deslizar pelo chão enquanto faz um “dab”.

Entre as diversas curiosidades você pode descobrir que a terra é realmente plana! Uau!! Terra Planistas vão amar esse jogo.

As fases também são variadas, de parques com crianças brincando com cepos de madeira, passando por corridas de moto em fuga de Unos com escada, carros do ovo e do gás até a invasão à Área 51, que leva Zoinho roubar uma nave espacial para enfrentar o General Sádipo no espaço, apenas para depois cair no reino perdido do Zacre. Há também fases na água – enquanto a primeira parte é péssima, como já parece ser tradição, quando você começa a controlar o submarino o jogo fica muito parecido com o clássico Metal Slug.

Mesmo que seja bem curtinho, Zueirama é uma diversão que vale a pena se você curte memes ou adora a zoeira intrínseca do brasileiro. A trilha sonora do jogo é cheia de versões 16 bits de funk, sertanejo, samba e rock – cada uma com a batida melhor que a outra. É um game para se distrair e não levar muito a sério, mas que deve garantir umas boas risadas.